domingo, 22 de abril de 2012

Mononucleose infecciosa

A tia veio cá ontem ao final da tarde ver o João, telefonou para o hospital - para falar com a colega que estava na pediatria - e, depois de uma curta conversa, mandou-nos para as urgências. Suspeitavam de papeira ou mononucleose (doença do beijo), mas era preciso fazer análises para confirmar.

Lá fui eu com o meu menino... Entreguei a carta que a minha cunhada me tinha dado na triagem e depois foi muito rápido. A médica consultou-o e o diagnóstico pendia mais para a mononucleose. Pediu análises e aí é que foi... O João, já de braço estendido, começou a chorar assim que viu a agulha. Quando lha espetaram, contraiu o braço com tanta força e gritou tanto que foi um filme para lhe apanhar a veia e a fazer a colheita. Mesmo depois de terem conseguido e terem retirado a agulha, chorou e gritou durante um grande bocado. Acabou por acalmar ao meu colo e depois adormeceu nos bancos da sala de espera para onde nos tinham mandado esperar pelos resultados.

Pouco mais de uma hora depois chamaram-no. Análise à mononucleose negativa, mas com valores hepáticos muito alterados - um dos possíveis sintomas da mononucleose, a par dos gânglios posteriores do pescoço do tamanho de bolas de golf. Explicou-me a médica que o teste ao vírus pode dar negativo e que só costuma ser positivo 5 a 10 dias depois do início dos sintomas. Veio para casa com indicação para fazer Brufen e Ben-u-ron, muito repouso - não pode mesmo andar a correr e a saltar por causa do fígado... -, muita água, para estarmos atentos e se houver alguma alteração voltar com ele às urgências. Daqui a uma semana terá que repetir as análises.

Tivemos uma noite dos infernos, com ele a delirar e com pesadelos e eu com uma pilha de nervos tão grande que tive tonturas a noite toda. Acordou cheio de febre, não comeu nada e está deitado no sofá a ver televisão. Vamos estar pelo menos uma semana de "quarentena" que o bicho é altamente contagioso - vamos a ver se a Rita se safa desta bicheza...

14 comentários:

Mamã Petra disse...

Por acaso esta semana no cabeleireiro da minha cunhada tinham me falado que andava ai o virus da mononucleose, até fiquei espantada e a achar exagero. As melhoras para ele e vai correr tudo bem.

Beijinhos grandes

anasantos79 disse...

As melhoras e com o repouso e medicação ele vai melhorar rápido!
bj

PatLeal disse...

As melhoras dele. Bjocas enormes

Fi disse...

Oh Mara q chatice coitadinho do João! Espero q a Rita se safe do bicho! Beijinho grande de melhoras

mãe pimpolha disse...

É um bicharoco tramado mesmo. As melhoras.
Beijocas

Maria disse...

Nem acredito na má sorte! :( Espero que o João melhore rapidamente e que a Ritinha fique livre do bicharoco.
Um beijinho de força para ti.
Maria

Mamã Nocas disse...

Pois...pode ser que a Rita se safe. Deus queira.
Lá no meu infantário, hoube alguns casos. Pouco há a fazer.
Muito descanso, miminhos e estar atento a outros sintomas.
Que bosta, tadinho do João.

Beijinhos grandes e as melhoras.

Cris ♥ disse...

Mais uma ose!!! :(
Espero que o Joãozinho melhor rapidamente e que a pequena Rita se safe dessa!!
Um beijinho doce.

Ana Raquel disse...

As melhoras mt rapidas e espero que corra tudo bem!
A Ritinha irá safar se com toda a certeza!
Bjinhos grandes

Vânia e Mariana disse...

Possas, que chatisse....
As melhoras rapidas e que a Rita se safe.

Beijinhos,

Marta disse...

Ohh :(
Coitadinho dele e de vocês.
Um beijinho de melhoras.
Que passe rápido.

Catarina disse...

As melhoras do João...Essa doença é muita chata e sim muita contagiosa, mas se eles não bebem no mesmo copo, etc, pode ser que Rita se safa..
Bjs

luis disse...

ola sou o pai do daniel e tb lhe foi diagnesticado mononucleose infecciosa estou desesperado porque a febre não passa. quanto tempo dura?obg

Mara Quinta disse...

Olá Luis,
a febre do João durou 6 ou 7 dias. A recuperação total do João foi de 16 dias mas pode ir até 1 mês. É um vírus chato...
As melhoras do Daniel.