quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Estações do ano

 As estações do ano segundo o João são as seguintes:

- Primavera
- Verão
- Outono
- Natal

:)

terça-feira, 28 de outubro de 2014

Sem palavras.

Quais são as probabilidades de receberes um telefonema do número pessoal do cirurgião que te tirou a tiróide porque, como esteve de férias e não foi com ele que tiveste a última consulta no Egas Moniz, não sabia notícias tuas - porque fui mais rapidamente parar ao IPO por portas e travessas - e queria saber como é que estavas, se te sentias bem e se já tinhas seguimento para fazer o tratamento? Pois... Confesso que fiquei de queixo caído e com vontade de chorar de emoção. Porque ainda há profissionais que são também pessoas boas neste país à beira-mar plantado.

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Emancipação

Quando o João começou a escola surgiu a necessidade de ter um espaço para fazer os TPC's. Mais ainda quando percebemos que ele pede silêncio e sossego absoluto para os fazer, coisa impossível quando se partilha o quarto com os irmãos. Mesmo com alguma resistência da parte dele, que não queria deixar de dormir no quarto com os irmãos, acabámos por lhe comprar uma cama e uma secretária para o quarto onde eles tinham os brinquedos. A ideia era proporcionar-lhe um espaço para os trabalhos escolares e, a seu tempo e quando ele assim entendesse, ter um quarto só dele. Dois dias depois pediu para lá dormir uma noite. E na seguinte também quis. Diz que só não gosta de saber que esta ali sozinho, mas gosta do quarto novo. Ainda pensei que fosse febre de pouca dura, mas não. Assumiu - ele e eu - com naturalidade que era ali que seria agora o quarto para tudo. Uma semana depois acabei por me render às evidências e trouxe a roupa dele para o quarto novo. Fizemos uma transição tranquila, sem dramas e ao ritmo dele e, felizmente, correu tudo bem. Está tão crescido, o João.

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

IPO: primeira consulta

Ontem tive a primeira consulta no IPO. Gostei muito da médica, foi muito acessível e explicou-me tudo bem explicadinho. Disse-me que o mais importante, tirar a tiróide (e o tumor) e os gânglios do compartimento central do pescoço, já estava feito e bem feito. Tal como o meu endocrinologista particular, também ela me disse que a biópsia que fiz há quatro anos estava errada - o que para eles, médicos, serve também para avaliar o grau de agressividade do tumor, para mim serve para ter acessos de fúria porque se anda a brincar com a saúde das pessoas.

A reter na minha cabecinha é que, segundo a médica, a taxa de cura deste tipo de cancro da tiróide no IPO de Lisboa ronda os 100% e é nisso que devo focar as minhas energias. Explicou-me que vou ficar internada três dias e depois terei que ficar mais uns dias em isolamento (posso estar com adultos com algumas restrições, mas não com crianças e grávidas). Antes do tratamento vou ter que fazer uma medicação nova durante quarenta dias e uma dieta específica que a seu tempo me irão explicar.

Mandou-me fazer uma (outra) ecografia (que eles chama de estadiamento) ao pescoço e análises para determinar a dose de iodo radioactivo que vou ter que fazer e pediu para marcar consulta para daí a três semanas, altura em que marcaremos o tratamento (que será em Dezembro).

Como as pessoas que trabalham no IPO parecem ter uma invulgar sensibilidade e capacidade de tratar os doentes como seres humanos, conseguiram fazer-me a ecografia e as análises ainda na manhã de ontem, logo depois da consulta - na ecografia não foi observada nenhuma alteração significativa. Assim sendo, antecipou-se a próxima consulta para dia 5/11, altura em que saberei o resultado das análises e a data para fazer o iodo.

segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Do Pedro e das mamas

Depois dos cinco dias que estive internada, o Pedro voltou a mamar, mas já não mostrava o interesse que costumava ter nas maminhas. Fui-lhe sempre oferecendo, mas nos últimos dias ele dava duas ou três chuchadelas e ia à vida dele. Ainda levei umas boas dentadas quando tentava oferecer, mas nada.

Como para fazer o tratamento com o iodo radioactivo ia ter que desmamar e como tenho que fazer mamografia e ecografia mamária porque um dos meus quistos aumentou - que implica estar dois ou três meses se amamentar - e já que ele está numa de não ligar à mama, deixei de insistir... E assim foi, no dia em que fez 16 meses acabou-se a maminha para o Pedro, sem dramas e sem complicações.
...
Entretanto, no sábado, o Pedro foi à natação pela primeira vez e adorou.

quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Adeus Egas. Olá IPO.

Ontem tive consulta no Egas Moniz e fiquei a saber oficialmente - já sabia desde dia 25 porque telefonei ao cirurgião e ele já me tinha dito - que o tumor está metastizado em dois dos oito gânglios que me tiraram, sendo que o tumor "mãe" é papilar de variante folicular. Estas palavras caras servem apenas para dizer que tenho que fazer o tratamento com iodo-radiactivo e ter muita esperança de que o bicho não tenha saído do pescoço.

Na terça-feira já tinha ido mostrar as análises ao meu endocrinologista (com o TSH bem baixinho, como se quer) e já lhe tinha dito o que deu a análise patológica; ele escreveu uma carta para o IPO, para ir lá directamente, bastando solicitar no Egas Moniz o relatório patológico e as lâminas com a amostra do material recolhido - com isto ganhei um mês ou mais de tempo que ia perder em consultas de endocrinologia ainda no Egas, antes de me encaminharem para o IPO. Assim fiz e, como sempre, foram fantásticos comigo no Egas e deram-me logo as lâminas - que demorariam 4 ou 5 dias, por norma a serem disponibilizadas. Assim que me despachei dali, fui logo ao IPO fazer o pedido de marcação de consulta de endocrinologia. Inscreveram-me, ficaram com tudo o que levei e agora tenho que esperar que me contactem para iniciar o processo lá.

Um dia de cada vez.