domingo, 29 de dezembro de 2013

7 meses

Aos 7 meses o Pedro já se senta bem sem apoio. E tem sido uma festa. Se os irmãos já lhe tinham uma paixão sem tamanho, esta parece que aumenta conforme ele vai fazendo estas pequenas conquistas. Sentado tem outra perspectiva do mundo e interage ainda mais com todos nós.

Já tem 6 dentes e mais um a furar.

Tentar que ele coma seja o que for continua a ser um filme de terror. Vale-me a mama que o vai sustentando. Pelas pediatras ele já estaria a fazer sopa com carne e fruta ao almoço e ao jantar e uma delas sugeriu que lhe desse papa ao lanche, mas ele come apenas sopa ao almoço - e muito mal comida - e durante o resto do dia mama à vontade do freguês. A verdade é que fome ele não tem.

As noites já foram péssimas, agora estão só más. Acorda 2 ou 3 vezes para mamar e volta a dormir. Mas já percebi que isto vai funcionando por ciclos e as noites péssimas, de acordar de meia em meia hora, coincidiram com o nascimento dos dentes de cima.

De resto, tirando as noites e o filme com os sólidos, é um bebé tranquilo, risonho, pouco chorão, que gosta muito de colo, mimo e macacada.

sábado, 28 de dezembro de 2013

Rescaldo do Natal

Este ano passámos a consoada e almoço do dia de Natal em casa dos meus pais e depois fomos picar o ponto a casa dos meus sogros. Correu tudo bem e os miúdos andavam felizes da vida, embora cansados com as viagens e tanta brincadeira. Pensei que o Pedro fosse estranhar tanta correria, mas não, esteve sempre bem, apesar de muito ranhoso.

Ontem fomos almoçar com uns amigos e depois fomos ver o Frozen - fui eu com eles, o Pedro ficou com o pai a passear e a fazer compras. Gostámos mesmo muito do filme e ainda dei umas boas gargalhadas. Na próxima semana vamos tentar levá-los a ver o filme dos Dinossauros. Têm sido umas férias de Natal dedicadas a eles e ao descanso.

segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

sábado, 21 de dezembro de 2013

Pedro, o dentuças

É verdade! Além dos dois dentinhos que já tem em baixo desde os 4 meses, agora temos também os dois incisivos centrais superiores de fora. 6 meses, 4 dentes. Vamos bem lançados. Suspeito que as dentadas que me dá carinhosamente nos mamilos vão passar a doer ainda mais...

ADENDA: Ontem, depois de escrever este post, fomos a casa dos meus sogros. Enquanto lhes contava sobre as dentuças que o Pedro tem a nascer, abri-lhe a boca e fiquei de queixo caído ao perceber que ele não tem 2 incisivos superiores. Tem 4! 4! O Pedro já tem 6 dentes...!  

sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Férias de Natal

Apesar do jardim-de-infância deles não fechar para férias, vão ficar estas duas semanas em casa e só regressam à escolinha a 6 de Janeiro. Vai saber-lhes bem a eles e a mim - embora já saiba que me vou chatear e que não vou ter sossego durante duas semanas.

Hoje trouxeram as lembranças de Natal que fizeram no JI e já estão devidamente penduradas cá em casa.

Da falta de tempo

Começa a faltar-me o tempo para actualizar o nosso cantinho com mais frequência. Com a aproximação do Natal, aumenta o número de tarefas que tenho para fazer e complica aqui o esquema.

Já tivemos a festa de Natal do Jardim de Infância que correu muito bem. A Rita apresentou-se pela primeira vez em palco e não se atrapalhou nada; aliás, até parece que nasceu para estar em destaque. O João também esteve bem e nota-se que se sente mais à vontade.

O Pedro continua a recusar a sopa, a fruta e a papa e a querer só mama. O pai, com muita dificuldade, lá lhe consegue ir enfiando umas colheres de sopa pela boca abaixo, mas sempre com muito berreiro e lágrimas à mistura... As noites continuam a não ser regulares; nas noites "boas" acorda duas vezes para mamar e volta a dormir, nas piores acorda de hora a hora ou dá-lhe a "despertina" durante a madrugada e quer paleio quando eu quero é fechar os olhos e cair para o lado.

Durante o dia já noto que começa a ter os seus horários e rotinas bem definidas. Acorda, mama, brinca, dorme uma sesta, acorda, mama, brinca, engole a sopa à força, amua, mama, dorme outra sesta, acorda, brinca, mama, dorme outra sesta, brinca, toma banho, mama e vai para a cama. Daqui para a frente é que começa o caos nocturno.

O cansaço é cada vez maior e ando numa fase muito sensível. Vale-me o super-pai cá de casa que vai aguentando as noites piores em branco para eu poder dormir 3 ou 4 horas seguidas. O fusível está mesmo a dar as últimas... Eu, que sempre tive memória de elefante, esqueço-me de tudo e pareço uma barata tonta... Enfim... vamos levando um dia - ou noite - de cada vez.

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

I'm the boss

Sabes que tens mau feitio quando a educadora do teu filho te diz que ontem estiveram a falar sobre os "ralhetes"; que é normal que ela por vezes ralhe com eles e que os pais ralham com os filhos e que às vezes até as mães ralham com os pais e os pais ralham com as mães. E diz que disse o meu rico filho do alto dos seus 5 anos:
- Não, não! O meu pai não ralha com a minha mãe. A minha mãe é que ralha porque ela é que manda.

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Mais uma moedinha, mais uma voltinha

Consulta dos 6 meses do Pedro na USF: tudo ok. Peso: 6,340 kg; mede 65 cm e tem um PC de 42,7 cm.
A médica passou as credenciais para as ecografias do João e da Rita, que vou marcar entretanto.

O Pedro levou ainda as vacinas dos 6 meses do PNV mais a Prevenar. Picas agora só aos 12 meses.

Actividades

Ultimamente o João começou a pedir para experimentar ginástica e futebol. A ginástica porque muitos amigos dele frequentam numa associação ao pé do JI e o futebol porque a prima mais velha joga desde os 5 anos e ele já viu alguns jogos dela.

Já experimentou a ginástica, e a Rita também, e gostaram muito. No Sábado passado levei-o a um treino de futebol, do qual também gostou. Eu é que nem por isso. Acho 2 horas de treino, duas vezes por semana, muito puxado para miúdos de 5 anos. Já para não falar na seca que apanho à espera dele com o Pedro. Um dos treinos seria ao Sábado, dia em que a Rita tem natação, que não nos dá jeito nenhum.

O João, depois de ter pensado um bocadinho lá admitiu que estava muito cansado por ter andado 2 horas seguidas a correr e que preferia a ginástica, que também é duas vezes por semana, com duração de uma hora cada aula. O horário permite que o pai ou eu os vamos buscar ao JI e que sigamos logo para a aula, sem termos que andar para trás e para frente. E assim a Rita também pode ir - e o que ela gostou da ginástica!

A única coisa que me faz confusão é que ficarem com actividades a mais. O João tem natação duas vezes por semana; começou a frequentar a piscina com 6 meses. A Rita tem uma vez por semana e começou com 15 meses. Será que aguentam o ritmo com a ginástica também duas vezes por semana? Eles querem tanto ir, que vamos experimentar. A ver vamos se aguentam a pedalada.

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Refluxo vesico-uretérico-renal

Ontem o Pedro teve consulta de pediatria no hospital. Confirma-se que tem refluxo vesico-uretérico-renal bilateral (grau II/III). Basicamente significa que a urina reflui da bexiga até aos rins, de ambos os lados, o que aumenta significativamente as probabilidades de ter infecções urinárias. Vai continuar a tomar o antibiótico na dose profiláctica e vamos esperar que seja o suficiente para não ter mais infecções. Se por acaso voltar a ter, temos que entrar logo em contacto com a pediatra que o segue no hospital. Se tiver infecções recorrentes terá que ser encaminhado para as consultas de urologia para avaliar a necessidade de cirurgia. Se correr tudo bem, à partida será um problema fisiológico, de imaturidade do aparelho urinário, que acabará por se resolver com o crescimento. Resumindo e concluindo, é esperar para ver. Importante é estarmos atentos a possíveis infecções urinárias e a sintomas suspeitos e à mínima ponta de febre que não esteja associada a outros sintomas - como sintomas gripais ou de gastro - é para ir às urgências fazer análises à urina.

Em Janeiro vai fazer o exame para avaliar o funcionamento dos rins e ver se ficaram com sequelas da infecção.

A médica recomendou que o João e a Rita façam uma ecografia renal porque os irmãos têm 35% de probabilidades de ter o mesmo problema, mesmo que nunca tenham tido qualquer infecção. Na quinta-feira já vou ao Centro de Saúde tratar disto.

O Pedro pesa à data da consulta 6,385 kg, mede 65 cm e tem um PC de 43. Tal como a pediatra dele já havia referido, é para começar a comer sopa e fruta ao almoço e daqui a duas semanas ao almoço e ao jantar, introduzindo também a carne. A verdade é que ele não abre a boca a nada que não seja o meu leite e a hora da sopa tem sido um verdadeiro filme de terror - este até o vómito sabe puxar e tudo o que engole acaba cá fora na mesma hora. Muita paciência - que não abunda por estes lados - e vamos esperar que ele se habitue à colher e aos novos sabores.

segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

O dom da Rita

Sabes que a tua filha te vai pôr (ainda mais) maluca quando descobres que andou a enfiar metros intermináveis de papel higiénico nos tubos da aspiração central - que entretanto entupiram o filtro.

Sabes que a tua filha te vai pôr (ainda mais) maluca quando, menos de uma hora depois de teres colocado os presentes debaixo da árvore de Natal já tens 5 ou 6 com o papel cirurgicamente rasgado - coisa que o João nunca fez.

Sabes que a tua filha te vai pôr (ainda mais) maluca quando come todos os chocolates que penduraste na árvore de Natal, mesmo tendo sido instruída para não o fazer - coisa que o João também nunca fez.

Sabes que a tua filha já te pôs maluca quando o castigo que lhe dás é seres tu a comer o chocolate do calendário do advento dela.