sábado, 3 de agosto de 2013

Dos dias difíceis

Ontem o Pedro passou o dia muitou queixoso e murchinho. A manhã foi toda passada na mama. Mamava, adormecia, deitava-o, chorava, mamava, adormecia... e andámos nisto até o ter enfiado no pano, às 14h30. Adormeceu e ali ficou até às 18h. Ferrado a dormir. Já disse que odeio os 2 ou 3 dias a seguir às vacinas...?

Desenrasquei almoço para a Rita e para o João. Eu almocei - panquecas com nutella - às 16h. E tomei o meu duche - que costuma ser matinal - às 18h30.

E vai ser o mês todo assim. Sozinha com os três.

... se não fosse assim, não tinha graça...

2 comentários:

Sónia disse...

Coragem Mara, vai passar depressa este mês de certeza. Pena estar longe senão dava-te uma ajudinha.
Beijinhos doces

jmalho disse...

... estou de férias só com um e estou de esbodegada, imagino tu com três... ;)
Como diz o outro, um dia de cada vez! Bjo