quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Não há uma maneira fácil...

... de se dar e receber uma notícia destas. O coração do nosso feijãozinho parou de bater, ao que tudo indica, nas últimas 24 horas. Estaríamos hoje de 12 semanas e 1 dias (pela ecografia dava 12+4). A médica que sempre nos fez as ecos de todos os filhotes hoje teve que nos servir também de amparo e explicar por A+B que a culpa não é minha. Que não se perdem bebés só porque não foram planeados ou desejados. Porque ela teve que me dizer, imediatamente a seguir a eu lhe ter dito que só queria que estivesse tudo bem, que o nosso bebé desistiu. Por causa dos edemas e líquidos que tinha acumulados, parece ser algum problema cromossomático incompatível com a vida. Basicamente, se ele não tivesse desistido, seríamos nós a ter que desistir por ele. E dói que se farta. Ainda não consigo acreditar, principalmente porque continuo a sentir-me grávida. Porque faço xixi de hora a hora. Porque continuo com as mamas doridas. Porque continuo enjoada. O meu corpo ainda não reconheceu o que aconteceu. Não me dói nada, não tenho moínhas na barriga, não tenho perdas de sangue. Estou grávida de um bebé sem vida e por enquanto é só isto. Na segunda feira tenho que estar às 9h na Maternidade Alfredo da Costa para fazer uma biopsia à placenta, para tentar saber ao certo o que se passou. E depois virá a parte que tenho a certeza que me vai doer mais do que tudo. Não sei como vai ser. Só sei que estamos destroçados e que não se ama menos um filho só porque não foi planeado.

49 comentários:

Sara disse...

:( <3 Beijinho

Marlene, Simão e Martim disse...

Minha querida,
Não sei o que dizer. Não sei o que dizer para te fazer sentir melhor. Nem sei se alguém saberá. Não imagino a vossa dor. A dor de perder um filho.
Só posso deixar-te um grande beijo com muito carinho, um abraço apertadinho e que juntos consigam ultrapassar esta dor.
:(

D. disse...

Oh minha querida, nem sei o que te dizer!!!! É uma situação que deve ser muito dolorosa!!

Muita força para vocês!!

Beijinhos

mãe pimpolha disse...

Mais uma vez lamento muito e claro que não te deves sentir culpada.
Faz agora o teu luto e cerca-te de quem mais te ama.
Beijinhos

Danna disse...

Sinto muito!

Aline disse...

Meu Deus, Mara, lamento muito. Claro que a culpa não é de ninguém porque ninguém desistiu. Aconteceu.
Muita força para que este momento seja um pouco menos duro.

Beijinhos grandes

Sara Correia disse...

Um beijinho enorme. :(

Maffa disse...

oh... coitadinho...
que desilusäo e que tristeza para vcs. Näo te sintas culpada Mara... Era porque näo era para ser... era só um feijaozinho que fica agora a vossa estrelinha a olhar por vocês.
beijinhos e coragem.

Célia disse...

Lamento tanto!!! E claro que não tivestes culpa nenhuma! e sim,nunca se ama menos um filho só porque não foi desejado.
Para voçes, especialmente para ti, um beijo carregado de muita força!!

PatLeal disse...

Amiga, estou sem palavras, terão uma estrelinha lá no céu a brilhar e a olhar por vocês. bjocas e mta força

Cat disse...

Percebo-te, sabes que sim.
Dói e vai doer muito durante muito tempo. Não há caminhos mais curtos para percorrer esse trilho...
Concentra-te nos teus dois filhos, pensa neles e em tudo de bom que têm juntos.
Beijinho doce

That Gal... disse...

Oh linda, tens de ser forte...sei que não é fácil ( eu sei) mas pensa que tens o Joao e a Ritinha a sorrir ao vosso lado...

Um beijinho grande e um xi♥ apertadinho...

Força...

Full-time Mom disse...

Minha querida desejo-te muita força para ultrapassar esta perda. Um beijinho

Maggie disse...

tenho mta pena.
mta força

Maggie

*Quicas* disse...

sinto muito...

Vânia e Mariana disse...

é logico que a culpa não é tua, infelizmente isso acontece em muitas gravidez, m isso também nao alivia a dor que sentes...isso so mesmo o tempo.
So te quero deixar um beijinho, muito muito grande, muita força a um abraço bem apertadinho

Fi disse...

é com lágrimas nos olhos depois de te ler que te deixo um abraço muito apertado :( não será fácil, mas depois o sol volta a brilhar como sempre :(

Tanita disse...

<3

Anónimo disse...

olá mara, é muito raro comentar, mas venho cá todos os dias a este cantinho. sinto muito o que vocês estão a passar neste momento... e como nestes momentos ficamos todos sem palavras, quero apenas deixar um beijinho e um abraço de conforto e muita força.culpa? ninguém tem culpa, é a natureza.

Gaiatas disse...

Deixo-te um beijinho mto grande ❤ e espero que o teu corpo comece a reagir sem ser forçado..

Dói sempre.. e fica no nosso coração para sempre ❤

Pipoquinha disse...

Não sei bem o que te dizer...só te posso desejar muita força e coragem para o que aí vem!
Beijo grande e um abraço apertadinho.

1gota disse...

Beijinhos grande. :(

Anónimo disse...

Ola mara . Visito este cantinho regularmente,e fique triste com o que aconteceu. Mas nada de sentimentos de culpa, ninguem teve culpa. O meu filho nao foi planeado e felzimente correu tudo bem. Um beijinho com muita coragem

Lice disse...

Nem sei o que possa dizer, de certo que não alivia a dor que sentes! Mas não te culpes, não foi planeado, mas não tenho dúvidas que fosse muito amado.
Um beijinho e muita força para vocês.

Em busca do sonho disse...

Não há palavras que neste momento confortem o vosso coração e sinto muito o que se passou.

Este bébé não foi planeado mas já era muito desejado e portanto vai ser mais um anjinho a olhar por vocês.

Um bjinho muito grande no vosso coração e muita força.

Isabel Patrício disse...

Um grande abraço, apertadinho, que te aqueça o corpo e a alma.
beijinhos

Andreia disse...

Oh Mara, fiquei mesmo triste com a notícia.
A natureza às vezes é mesmo cruel, logo agora que começavam os preparativos para "encaixar" este bebé nas vossas vidas, acontece isto.
Não te culpes de forma nenhuma, não tens culpa de querer o melhor para os teus filhos e de te poderes dedicar em plenitude a eles e por isso não teres achado o melhor timing. Se fosses desleixada é que tanto te fazia ter 2 ou 6 filhos seguidos.
Nunca passei por isso, mas imagino a dor que deves sentir (quando estava grávida nem queria pensar nisso sequer), por isso força, que o sorriso dos teus filhotes vos dê forças.
Bjinhos
Andreia

Sónia disse...

Muitos Beijinhos...

Sónia disse...

Muitos Beijinhos :(

Sofia disse...

Claro que a culpa não é tua!! Mas que ideia é essa??? Tanto filho não planeado e não desejado que nasce neste mundo, Mara. E vcs desejavam bastante esse bebé, por isso não é justo e estou chateada. por mim 2012 já acabava.
Bjocas grandes

Nikki disse...

Mara, lamento muito. :(

Perder um filho é sempre um horror anti-natural, seja ele nascido ou por nascer, programado ou não.

Muita força nesta hora tão difícil.*

disse...

Beijinhos...

meggy disse...

Como sei o que sentes... por mais palavras que nos digam não minimiza a nossa dor.
Não te culpes, isso é o pior que podes fazer, acredita... também me culpei durante meses, mas essa culpa só aumentou o meu sofrimento. Aconteceu o que tinha de acontecer.a vida é assim injusta para quem não merece.
Pensa no João e na Rita são eles que te vão dar força para continuar.
Linda... como te disse ontem.... estou aqui para conversar ou apenas para estar ao teu lado sem uma palavra( que é o que mais nos apetece nesta altura).
Um beijo muito grande... para ti e para o George.

© ●TéTé £ XαVιєR● disse...

Sei o que sentes, percebo-te e mesmo assim as palavras não saem… só as lágrimas de quem sente MUITO o que vos aconteceu :(

Inevitavelmente revejo-me na tua situação e não consigo deixar de pensar se teria mesmo que ser assim, ainda que digam que a natureza foi sábia e fez o seu papel mas nós pensamos que foi cruel e questionámo-nos se “tinha mesmo que ser assim...”?!?

Do próximo passo, e dos dias infindáveis que terás que sobreviver até segunda, nem vale a pena falar… Sei que o que te vai na alma é que tudo isto não está a acontecer, que não passou de um pesadelo e que vai ficar tudo bem mas embora nunca se esqueça (tu sabes, infelizmente…) o "ficar bem" está longe mas há-de chegar!

Estou aqui Mara, sabes disso, e embora não saiba como conseguirei falar contigo peço-te que me ligues, quando te sentires “preparada”… Abraço FORTE para ti e para o George!

Tété

liliana disse...

Abraço bem apertadinho.
Beijinho

Anónimo disse...

Tenho muita pena.
Não costumo comentar mas venho aqui muitas vezes saber de vocês e estou sempre a torcer pela felicidade da família, que é linda e que agora terá uma estrelinha muito especial a protegê-la. Muita força e beijinhos
Isabel

Aninhas disse...

nÃO SEI O QUE TE DIGA, SÓ SEI QUE TAMBÉM FIQUEI TRISTE AO LER O TEU POST. 1001 BEIJOS E MUITA FORÇA, AGARRA-TE AOS TEUS PILARES E JUNTOS IRÃO ULTRAPASSAR ESTAR DOR. BEIJINHOS

Tella disse...

Sei que não há palavras reconfortantes, por isso deixo-te aqui um abraço apertado, do tamanho do mundo.
BJOS

prlinpinpin disse...

Só te consigo mandar um grande beijo e um forte abraço... Nada que direi poderá liviar o que sentes...
:(, Força Mara
<3 <3
beijo grande

Barriguita disse...

minha querida, quem conhece essa dor sabe que não há palavras. infelizmente, não tenho palavras mágicas.
apenas te posso dizer que estou aqui, se precisares de falar. é certo que não vai passar já... que muitas dúvidas continuarão, que a culpa, por mais que saibamos que não é noss, teima em estar na nossa cabeça. mas o tempo vai ser capaz de te ajudar a viver com esta perda.

bjinhos e um xi

disse...

Nada do que diga... será suficiente para passar a tua dor...
:´(
A dor está aí... mas vai passar,demore mais ou menos tempo...

Essa dor é amor, amor que já sentias pelo teu feijãozinho, um amor que vai ficar guardado num cantinho desse teu enorme coração!...
Deixo um enorme abraço bem apertadinho...

Força,Beijinho*

Anónimo disse...

Nunca comentei mas venho cá todos os dias ver as novidades, principalmente porque estava gravida mais ou menos do mesmo tempo que a Mara, mas para mim era a primeira gravidez. Ás 7 semanas de gestação também perdi o meu bébé, o coração também deixou de bater. è horrivel e ninguem devia passar por isto... Um beijinho muito grande e força Mara eu também ainda me estou a tentar recompor e não há nada que eu possa dizer para lhe atenuar a dor

jmalho disse...

... bjos grandes

Joana

Teresa disse...

um grande beijinho para vocês!

Anónimo disse...

Mara,
Desculpe a minha intromissão... Leio o seu blog desde que tive a minha filha, que é da mesma idade do João (a minha Joana faz 4 anos a 23 Abril) e hoje ao ler este post não pude deixar de lhe escrever.
Passei por uma situação idêntica há 2 meses atrás e sei bem a dor e a sensação que é. No meu caso, nem cheguei a ter sintomas de gravidez, porque foi logo às 8 semanas, mas o sentimento de perda e de vazio que se sente é inexplicável.
O que lhe posso dizer é que o tempo tudo cura e o facto de termos os nossos pimpolhos (no meu caso ainda continuo só com uma) dá-nos uma força extraordinária... Mas o curar não implica esquecer, pois não há um dia em que não pense na minha estrelinha!
Tenho a certeza que vai correr e que em breve terá luz verde para avançar. Não desanime e pense sempre no seu João e na Ritinha, que são dois meninos lindos e cheios de vida!
Um grande beijinho e muita força.
Mónica

Cris ♥ disse...

Nem sei o que dizer... Só agora vi o que se passou...
Um beijinho grande e muita força

Tere disse...

Um beijinho no coração minha linda! :(:( como sabes aconteceu-me algo parecido antes da Matildinha! Imagino como te sentes!

Mamã Petra disse...

Muita força e um grande beijinho, sei exactamente o que sentes, pois estou a passar pelo mesmo. Muitos beijinhos.

Catarina disse...

Lamento imenso, agora tens que ter forças para ir em frente..pensa nos teus lindos filhotes que estão perto de ti..Um beijinho mito grande