segunda-feira, 18 de junho de 2012

Plasticina

Passei a tarde de hoje a fazer rissóis e sobrou-me um bocado de massa. Para não a deitar para o lixo, dividi em quatro taças, colori cada bocado com um corante diferente, amassei e depois deixei os miúdos brincar e moldar a massa à vontade. Estiveram entretidos e sossegados durante quase uma hora - um verdadeiro milagre! E sem discussões nem chapadas. Para a próxima faço mesmo uma receita de plasticina caseira que está num dos livros da bimby.

5 comentários:

Vânia e Mariana disse...

Que boa ideia!!! :)
Quando fizeres a plasticina põe a recieta....Nunca vi, e tenho quase todos os livros....

beijinhos,

mãe pimpolha disse...

Com a vantagem de que essa eles podem comer.
Beijocas

Maria disse...

Fizeste-me recordar momentos preciosos da minha infância. A minha mãe quase todos os fds fazia rissóis. Como sobrava um bocadinho de massa, dava-nos essa sobra e nós entretínhamo-nos horas a fio. A diferença é que não punha corantes e a massa era tão trabalhada por nós que até ficava encardida!
Se eu nunca mais me esqueci, aposto que lhes estás a proporcionar memórias preciosas para o futuro. Coisas simples que marcam (tanto) a diferença!
Beijinhos grandes
Maria

Andreia disse...

Fantástico!
Quando ponho a minha a "ajudar" na cozinha também não há menina. Agora até já faz sumo de laranja sozinha (com supervisão claro) "na maquineta".
E diz a toda a gente que gosta de cozinhar, até parece exploração de trabalho infantil! ;)

Gaiatas disse...

Que maravilha :) uma plasticina comestível :D

Adoro os sorrisos deles ❤