domingo, 10 de abril de 2011


Na sexta-feira o papá e eu tínhamos planos para o jantar. Pois que as crias tiraram o dia para me moer a alma e levar-me à loucura. Em parte, a culpa também foi minha. De manhã quis ir visitar os meus avós e, consequentemente, destrambelhei as sestas da Rita que ficou com uma telha daqui até à China. Só fazia era chorar e pedir colo. O João berrava porque não queria vir para casa e queria "jantar" em casa dos bisavós. Acho que nem com uma hora de elíptica suei tanto como na sexta-feira. E sim, fomos jantar. A minha sogra veio cá para casa tomar conta deles. Como resultado do dia agitado, quando ela chegou, às 18h45, já o João dormia e nem sequer acordou para jantar. Só conseguiu acordá-lo para lhe vestir o pijama e pôr-lhe a fralda. Por sua vez, conseguiu dar a sopa à Rita enquanto esta chorava em plenos pulmões e depois teve que a deitar. Às 19h45. Quando chegámos a miúda acordou, emborcou um biberão de leite e ferrou até de manhã. O João nem piou até às 7h30.

3 comentários:

PatLeal disse...

Mãe sofre!!!

Bjocas

Sofia disse...

Há dias assim...
Bjs

© ●•TéTé £ XαVιєя•● disse...

Menos mal que, apesar de tudo, ainda conseguiram tirar um tempinho para vocês.

Beijos
Tété & Xavier