segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

O João

O João está como se a irmã tivesse acabado de nascer. Ou pior. Vai oscilando entre a agressividade, as birras monstras e os ciúmes e toda a espécie de "dói-dóis" em toda a espécie de sítio que vos passe pela cabeça. Ele estranhou (e muito) os 15 longos dias em que a Rita esteve internada. E sabe que ela estava no hospital porque tinha dói-dói. E sabe que o pai e a mãe passavam lá dias, noites, horas infinitas - que para ele ainda pareceram mais longas. Portanto, 1+1=2, o João está sempre a ter dói-dóis = a mãe e o pai dão-lhe mais atenção, mimo e colinho (como se fosse preciso ter dói-dóis...). Hoje perguntei-lhe se gostava de passar uma manhã inteira só com o pai e com a mãe, sem a mana, como era antigamente. Disse logo que sim... está carente o nosso menino bebé. Deve estar para breve a primeira estadia da Rita (superior a 1 hora) em casa da avó paterna.

7 comentários:

Barriguita disse...

muito do que escreves (sem contar com o internamento, é claro, aplica-se ao mais velho cá de casa. parece que só agora percebeu que a irmã existe.

beijocas

A minha corrente da chucha... é linda! disse...

Novo passatempo em http://aminhacorrentedachucha.blogspot.com/
Participa!!!

Marta disse...

Um beijinho grande para ele que também ainda é pequenino.

Mami ( Sónia ) disse...

É normal ele ainda é pequenino quer miminho dos pais e a atenção só para ele.
Beijinho grande

disse...

o joao esta com saudades dos papas!!é normal estiveram longe,e alem de o verem nesses tempo para ele nao é igual.por vezes sairem com ele uma tarde so com o papa ou a mama pode lhe chegar...assim a mana nao precisa de ficar tambem longe dos papas.

as melhoras pa barriguinha dele(se ja nao passou)

mãe pimpolha disse...

é algo que conto fazer qd tiver um segundo filho, tirar uns tempinhos só para o Edu, para ele não sentir tanto.
Beijocas

disse...

Precisa matar saudades ;)
e aposto que nesse dia vai estar sempre a perguntar pela Ritinha, e sentir a falta dela!
Bj***