quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Para além das coisas boas

Ou sou eu que ando sem paciência nenhuma, ou o João não se consegue aturar. Anda há três dias a testar a minha sanidade mental. Não está doente, mas quer andar sempre ao meu colo - coisa inédita. Dou-lhe colo, evidentemente, mas não posso andar 24h por dia com ele agarrado a mim - não imaginam a cena de terror que ele faz quando tento pô-lo no chão e como me sinto a pior mãe do mundo. Não quer dormir a sesta, apesar de estar a cair de sono. Da cama dele - a de grades - consegue abrir e fechar a porta do quarto (que é de correr) e berra desalmadamente. Se acabo por ceder e o deixo não dormir a sesta fica com uma birra monstra... de sono, claro. Chova ou faça sol, calça as galochas, põe o gorro, vai buscar o casaco e põe-se a guinchar e a espernear à porta de casa porque quer ir para rua - também eu queria, não fosse estar este tempo de caca que já enjoa. Se não lhe abro a porta principal - que tem que estar trancada e sem chave - dá a volta e sai pelas portadas da cozinha que não dão para trancar... And so on, and so on... Deus das hormonas, da serenidade e da paciência, dai-me forças, sff!

7 comentários:

Sofia disse...

LOOOOOL
Eu acho que é toda esta chuva que lhes anda a subir à cabeça...Demasiada humidade causou danos nos fusíveis, LOL
Domingo eles correm e pulam e dão-nos descanso :)
O meu anda assim por causa dos últimos 2 dentes que lhe estão a nascer...
Para teres uma ideia, ontem, completamente desesperada, levei-o a casa dos meus pais porque estava lá a prima. Fez birras, bateu na prima, correu à roda até cair...um filme! Já estava tão podre de sono que parecia bêbado! No entanto, não adormeceu no carro na viagem de 30 min até nossa casa. Chegou a casa e embicou que havia de andar de triciclo às 22h00. E quem é que o tirava de lá? Quando o tirei, apanhou um martelo e decidiu que queria martelar...Vontade tinha eu de lhe martelar o rabo, LOL
Bem, temos de ter paciência!
Bjinhos

mamã ET disse...

Imagino o teu desespero, mas nem imaginas o conforto que me dá ler estas palavras... É que eu penso que sua a unic a ter uma filhota impossível de se aturar... Uffa, parece que não sou... lol

Jokitas e sabes o que me dizem: Paciência, Mara, muita paciencia... Por isso, para ti Mara, muita paciencia...

Liliana disse...

Deixa lá que temos aqui um igual, tem feito cada birra, quem nos tira do sério, quer tudo e mais alguma coisa e nada de contrariar o menino, que agora até já se atira para o chão!!!

Será que este tempo os anda a pôr assim?!

Mil beijinhos grandes e muita paciência!!!

Maria José disse...

aí como eu te compreendo, a Sofia anda numa fase que nem re conto nem te digo imagino se estivesse grávida estava pior que tu
beijokas grandes

mãe pimpolha disse...

Estou a ver que as birras é mal geral, que bom.
As melhoras do mau feitio. LOL
Beijocas

Mamã Nocas disse...

Opá desculpa mas ainda larguei umas gargalhadas...lol
Mas acredito que devas estar pelos cabelos ainda para mais a nossa paciência na fase da gravidez fica reduzida.
Calma...

beijinhos

© Tété £ Xavier disse...

É tudo junto! É a fase deles que complica, com tendência a piorar cada dia já que andam numa de esticar a corda para ver até onde os deixámos ir, com a agravante de estares grávida, com as hormonas aos SALTOS, e certamente que o João sente isso tudo… não é fácil, querida, calculo, principalmente para quem está com ele o dia todo.

Ainda dizem que ser dona de casa é fácil?! Pois, pois...

Inspira, expira… conta até 100 e imagina o melhor sorriso dele na hora do desespero total… pode ser que ajude a que fiques mais tranquila, espero eu!

Beijos
Tété & Xavier